A Bíblia é a Palavra de Deus.

Nós cremos que a Bíblia é a Palavra de Deus. Ela é a única inspirada e verdadeira autoridade sobre as verdades da fé. Ela revela a vontade de Deus para nossas vidas e é o alicerce para tudo aquilo que cremos. 2 Timóteo 3:16; 2 Pedro 1:20-21; Salmo 119:105; Isaías 55:11

Deus é soberano e criador do universo.

Cremos no Deus único e eterno. Ele é soberano, Rei de todo o universo e nada está acima dele. Sua existência consiste em três pessoas: Deus Pai, Deus Filho e Deus Espírito Santo. Ele é o próprio amor e completamente santo. Gênesis 1:1; 1:26; 3:22; Salmo 90:2; Mateus 28:19; 2 Coríntios 13:14

Jesus é o Filho de Deus.

Jesus foi concebido através do Espírito Santo e nasceu da virgem. Ele é o único que viveu sem pecados na Terra. Ele morreu na cruz voluntariamente em nosso lugar, para perdão dos nossos pecados. Ele ressuscitou dos mortos no terceiro dia para declarar a sua vitória e nos dar vida. Ele está assentado à direita de Deus, Pai todo poderoso e é o único mediador entre Deus e nós. Ele é nosso Redentor e o único que pode nos reconciliar com Deus. João 1:1-5; 14:6; Atos 4:11-12; Mateus 1:22-23; Isaias 9:6; Hebreus 4:14-15; 1 Coríntios 15:3-4; Romanos 1:3-4; Atos 1:9-11; Colossenses 2:9-10; 1 Timóteo 6:14-15

O Espírito Santo.

Todo cristão deve ser cheio do poder do Espírito Santo para viver a vida santa e frutífera que Deus nos deu. O Espírito de Deus nos inspira e nos guia a viver como um membro do Corpo de Cristo. Ele nos capacita a usar nossos dons. Vemos algumas vezes na Bíblia que o sobrenatural acontece nessas ocasiões, assim como o falar em línguas como um dos sinais de estar cheio do Espírito Santo. Como seguidores de Jesus, dependemos todos os dias da direção do Espírito Santo. Atos 1:8; Atos 2:1-10;19; 1 Tess. 5:19; Efésios 5:18; Romanos 12:11

O pecado separou todos nós de Deus e de Seu propósito para nossas vidas.

Deus criou o homem à Sua imagem, de acordo com Seu caráter. Embora todos desejem o bem, todos nós somos afetados por uma atitude de desobediência a Deus chamada „pecado". Por causa do pecado, somos incapazes de seguir as instruções de Deus pelo nosso próprio esforço. A Bíblia nos diz que nos afastamos pelo pecado e até nos tornamos inimigos de Deus. Gênesis 1:27; Isaías 53:6; Romanos 3:23; Isaías 59:1-2; Salmo 139:13-16; Colossenses 2:13-15

Salvação é presente de Deus para nós, mas precisamos aceita-lo.

A salvação é recebida somente pela graça de Deus e não pelo esforço do homem. Nós apenas a recebemos pessoalmente através do verdadeiro arrependimento e da fé de que Jesus deu sua vida na cruz, para que todos os que crêem nele, em Suas palavras e em Seu sacrifício, tenham a vida eterna com Deus. Cremos no retorno de Jesus Cristo para o arrebatamento de sua igreja, ressurreição dos mortos, estabelecimento de seu Reino, vida eterna e julgamento final. Mateus 16:25; 25:31-34; 25:41; João 3:16; 14:6; 14:17; Romanos 6:23; 5:1, 5:8; 10:9-10; Efésios 2:8-9; Filipenses 2:5-11; Apocalipse 20:15; 2 Timóteo 4:7-8; 2 Pedro 2:9; Apocalipse 20:12-15

O Batismo é um símbolo da morte, sepultamento e ressurreição de Jesus.

Uma vez que aceitamos Jesus como nosso Senhor e Salvador, o batismo é o próximo passo para proclamarmos publicamente nossa nova vida em Cristo. É também um passo de obediência baseado no mandamento de Jesus que nos permite seguir Seu exemplo. Ele próprio se submeteu ao batismo para "cumprir toda a justiça“. Mateus 3:16-17; 28:18-20; Atos 2:41; 8:12; Romanos 6:4; Colossenses 2:12

A igreja local é um sinal visível do reino de Deus e do corpo de Cristo.

Acreditamos que a igreja é a comunidade criada por Deus daqueles redimidos do pecado, através dos quais ele faz sua salvação conhecida ao mundo. Como corpo de Jesus, é também o local de serviço mútuo para o qual Deus chama e capacita todos os membros. O batismo (por imersão) devido à confissão pessoal de perdão dos pecados e pela fé em Jesus Cristo deve acrescentar cada cristão à comunidade local. Na Ceia do Senhor, ela proclama a morte do Senhor e compartilha a participação em Jesus Cristo como o cabeça da igreja, seu corpo, em expectativa a sua vinda. Estamos comprometidos com a comunidade dos fieis, de acordo com o modelo cristão primitivo, no qual o Espírito Santo se manifesta através de dons, serviços e seus efeitos. Atos. 2:38-47; Efésios 3:10; 4,15-16; 1 Coríntios 12:25-31